sábado, 17 de março de 2012

Sem dificuldade, Palmeiras bate a Ponte e assume a liderança

Determinado momento do campeonato Paulista do ano passado ouvi Felipão, técnico do Palmeiras, dizer que sua equipe começaria a entrar nos eixos apenas no ano seguinte (2012). 

Lembro-me também que o comandante alviverde ressaltou a importância da chegada de novos reforços para compor a equipe que, até então, era motivo de criticas da imprensa, vaias de sua torcida e gozação dos adversários.

A primeira mudança aconteceu no finalzinho da temporada passada, quando o goleiro Marcos anunciou sua aposentadoria, deixando sua vaga ao mais que promissor Deola.

Alguns jogadores foram dispensados, uns deixaram o clube e outros chegaram.

Dentre os novatos, o atacante argentino Barcos foi a melhor das surpresas.

Em meio à desconfiança geral, tanto dos que acompanham futebol com mais rigor quantos os apaixonados pelo clube, Barcos tem provado a cada partida que é o protagonista desse elenco.

A reação do Palmeiras é visível e não me parece passageira.

Felipão tinha razão... Precisava um pouco mais de tempo de trabalho e algumas peças novas para botar ordem na casa.

O retorno de Valdívia à equipe também foi fundamental. Com ele em campo a bola corre os dois lados do campo e chega com mais qualidade ao ataque. E não é nem um pouco à toa que possui o melhor ataque do campeonato.

O JOGO DE HOJE

Na partida de hoje, contra a Ponte Preta, no estádio do Pacaembu, o Palmeiras fez a lição de casa e venceu sem a menor dificuldade.

Não precisou mais do que 2 minutos para o time de Felipão abrir o placar e incendiar os mais de 20 mil torcedores presentes nas arquibancadas.

Daniel Carvalho e Valdívia se acertaram perfeitamente no meio de campo e, depois de uma tabelinha, a bola caiu no pé de Juninho que, ao perceber o goleiro saindo para cobrir o ângulo, deu um tapinha por cima e marcou um golaço.

Se o Palmeiras já mandava no jogo antes do gol, depois então foi um verdadeiro massacre.

A Ponte recuou. Sentiu-se acuada. Amedrontou-se.

Foto: GloboEsporte.com / Wagner Carmo - Agência estado
A pressão aumentou ainda mais depois do golaço de falta de Marcos Assunção, aos 11 minutos.

Só nos minutos finais a Macaca conseguiu equilibrar a partida. Chegou até a diminuir o placar com um gol de Ferron.

O segundo tempo, no entanto, não teve nenhuma surpresa e foi muito bem administrado pela equipe da casa.

O Verdão teve no mínimo quatro boas chances de ampliar, três delas com o Barcos, mas parou nas mãos do goleiro Lauro.

Final: Palmeiras 2 a 1 sobre a Ponte Preta.

O resultado o coloca na liderança da competição, porém provisoriamente, já que o Corinthians joga amanhã e, se vencer, reassume a ponta.

Um comentário:

nikeairmaxshoes90 disse...

You need to be brisk to maintain equilibrium while executing mind blowing shots. Moncler Sale And tennis sneakers are a heck helpful in this regard. Tennis sneakers are ideal in providing support to the sides Belstaff Leather
of your feet while you make side to side movements. They are lightweight and flexible.Belstaff Womens Jackets
Herringbone patterned rubber outsole offer you excellent grip on all courts. These sneakers are well cushioned to comfort your Ugg Boots Salefeet and assure you a bombastic performance. So, shop a pair of tennis sneakers of your choice to meet your court needs and sore high on the success of your game. Kick the ball for a fine goal with cool football or soccer sneakers.