sexta-feira, 27 de novembro de 2009

Voltaram atrás

Depois de julgar e punir a equipe do São Paulo com a perda do mando de campo para a última partida contra o Sport e com o afastamento de Jean, Borges e Dagoberto, o STJD ( que tem sua sede no Rio de Janeiro ) volta atrás e revê algumas decisões precipitadas.

Na última quinta, 26, a mesma comissão que havia aplicado a punição resolveu devolver à equipe do Morumbi o direito de disputar sua última partida em casa, diante de sua torcida. Para essa decisão, que já consta como encerrada, houve cinco votos a zero a favor da concessão do mando de campo ao Tricolor.

Além disso, Jean poderá atuar no próximo jogo que será domingo, contra o Goiás, no Serra Dourada. Já Dagoberto e Borges continuam suspensos e devem retornar somente contra o Sport.

Claro que é uma notícia boa para o torcedor são-paulino, principalmente saber que poderá assistir à partida final no seu estádio, apoiando de perto a equipe. Mas ainda assim eu fico me perguntando: O que fez o STJD voltar atrás numa decisão que até então me parecia sem volta? Será que não aguentou a pressão do São Paulo, que entrou com seus recursos? Ou será que não aguentou a pressão da mídia e de todos os que acompanham futebol e demonstraram a insatisfação com a Justiça Desportiva? Será que estava ficando evidente demais, a ponto de ser descarada, a ajudinha que os clubes cariocas recebem em momentos de "tudo ou nada"? Vai saber...

A única coisa em que tento acreditar é que um dia o futebol deixe de ser o que vem sendo. Que a CBF passe a ser uma instituição confiável e que deixe de ficar nas mãos de cartolas incompetentes. Que a cúpula seja destruída. Que situações como "virada de mesa" e "máfia do apito" sejam desmacaradas. Enfim, torço para um futebol digno da palavra "esportividade" e, acima de tudo, da "competitividade".

7 comentários:

Anônimo disse...

Brincadeira como Sr. se mostra tendencioso ao nosso glorioso Tricolor....rsss....Simplesmente incontestável sua colocação ..... Mais do que nunca demonstram que para desmoralizar um time é necessário muito mais do que a simples corrupção dos bastidores "carioquexxxxx".......Tem que jogar FUTEBO...... São Paulo rumo ao Hepta.....

Parabéns pelpo Blog Fê.....E vamo Tricolorrrrrr.......

Abs, Leo Maraja's.....

Fernando Richter disse...

Grande Léo,

Não escondo meu coração aqui neste blog. Ele é são-paulino mesmo. Mas essa pouca vergonha que anda acontecendo no futebol brasileiro precisa, e rápido, ter um fim.

Eu tenho uma convicção enorme de que jamais torcerei para algum clube carioca vencer um brasileiro. Simplesmente por esse motivo, embora muitos clubes de lá não tenham influência alguma a má administração da CBF que, ao meu ver, é corrupta. Dou o Vasco como exemplo. A nova administração de Dinamite é completamente diferente àquilo que víamos anteriormente, nas mãos de Eurico Miranda! Agora merece crédito.

Por outro lado, creio friamente que a maioria dos clubes do Rio de Janeiro são coniventes a essa pouca vergonha! Muitos até se aproveitam.

Mas enfim, és uma longa história, certo léo? rs.

Obrigado pelo comentário. Vê se volte mais vezes, meu brother.

Anônimo disse...

que blog chato....pffff

Marina disse...

Se é chato porque entrou?... Vc deve ser alguém que ficou puto com o Fernandão por alguma coisa e quis provocá-lo.

Que ridículo. Seja homem e se identifique.

Fernandão! Seu blog é ÓTIMO!

Anônimo disse...

Fê,

Infelizmente isso é uma realidade. O futebol é, e me parece que sempre será, comandado por esses corruptos. Graças a Deus aqui em SP a coisa é um pouco diferente!

Ótimo texto, seu blog está cada vez melhor.

Marco Tullyo

Alberto disse...

Concordo em partes.

VocÊ disse que Borges e Dagoberto tiveram a punição merecida! Não acho que Dagoberto teria que ter pego três jogos! Já o Borges sim, ele não presta e está estragando o São Paulo.

E como os amigos escreveram, parabéns pelo Blog, realmente ele está cada vez melhor.

Fernando Richter disse...

Valeu pessoal,

Obrigado pelos comentários!

Valeu gente!

ABS