quinta-feira, 1 de abril de 2010

Bolinha para lá, bolinha para cá... Quem fica com o troféu?

Mais uma vez Flamengo e São Paulo se enfrentam frente a frente. Dessa vez não é a busca pelo título brasileiro e nem muito menos um encontro na Taça Libertadores da América, embora isso não seja difícil de acontecer nessa edição do torneio intercontinental.

A disputa, na verdade, vem se estendendo desde o ano de 2007, quando o clube paulista se tornou o "primeiro" e "legítimo" pentacampeão brasileiro (77/86/91/2006 e 2007).
Segundo uma regra da CBF, a primeira equipe que conseguisse conquistar três títulos brasileiros seguidos, ou cinco alternados, teria o direito "legal" de levar para sua galeria de troféus a então mais cobiçada "Taça das Bolinhas".

Em 1987, o Flamengo venceu o módulo verde da Copa União e o Sport Recife conquistou o módulo amarelo. Neste caso, o regulamento previa um confronto entre os dois primeiros colocados de cada módulo, mas o Flamengo e o Inter - vice-campeçao do módulo verde - se recusou a disputar um quadrangular envolvendo Sport e Guarani - primeiro e segundo colocado do módulo amarelo. Sendo assim, a CBF declarou que a equipe de Recife seria a campeã brasileira de 87. Essa decisão foi confirmada em maio de 1994, numa sentença do Tribunal Regional Federal.

Atualmente, tanto a torcida do Flamengo, como dirigentes do clube, preferem passar uma borracha sobre o que aconteceu neste ano, além de afirmarem categoricamente que o clube carioca é "Hexa" - já que venceu o último Brasileirão, em 2009 -, sem contar que não querem, de forma alguma, abrir mão do "Taça de Bolinhas".

Já o São Paulo disse que não vai desistir do direito de levar o troféu para sua galeria no estádio do Morumbi. E com razão. O Tricolor foi o primeiro a conquistar cinco vezes seguidas o título de campeão Brasileiro, na bola, sem virada de mesa, sem máfia do apito, enfim, sem nehuma mancha em seus títulos.

Claro que essa definição não dependerá apenas de um comum acordo entre São Paulo, Flamengo e CBF. O caso foi parar no jurídico da CBF e deve ter sua sentença final ainda neste mês de Abril. Pelo menos foi o que disse o presidente da entidade Ricardo Teixeira.

"Já encomendei ao departamento Jurídico um estudo para dar destino definitivo para a Taça das Bolinhas, Eles é que darão o parecer sobre o caso", disse Ricardo Teixeira ao site Globoesporte.com.

O diretor jurídico da CBF disse ao jornal esportivo 'Lance' que "Será coisa de dias. Até a metade do mês de abril esperamos ter a questão resolvida. Vamos pegar o arquivo morto da CBF para vermos os documentos. Será um trabalho exclusivamente de pesquisa", ressalta.

Claro que, para este caso, não é preciso ser mágico, mago, bruxo, profeta nem muito menos um Messias, para saber qual será o destino final dessa taça. Com três perguntas básicas eu te dou o nome do clube que sairá vencedor da disputa:

1) Em que estado do Brasil a CBF está instalada?
2) De onde é o departamento jurídico que cuidará do caso?
3) Em que estado do Brasil o Clube de Regatas Flamengo tem sua sede?

Acho que não preciso dizer mais nada, certo? Ou até hoje, na história do futebol brasileiro, alguém viu algo diferente? Quais os clubes que sempre estão se beneficiando com viradas de mesa absurdas? Quais os clubes que dificilmente são punidos pelo STJD?

Por isso, amigo são-paulino, não vale a pena acreditar em Papai Noel, Coelhinho da Páscoa e etc. Se bem que milagres podem acontecer. E como dizem que o São Paulo é o clube da fé...

10 comentários:

WAGNER BELMONTE disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
WAGNER BELMONTE disse...

A decisão é simples: quem foi campeão brasileiro em 80, 82, 83, 87 e 92 chegou aos cinco títulos primeiro, portanto, a taça é do Flamengo.
Os títulos do São Paulo foram em 77, 91, 2006, 2007, 2008.
Em 92, quando o Flamengo era cinco vezes campeão brasileiro, o São Paulo tinha apenas dois títulos.
Parabéns pela atuação de gala ontem no México. Vocês estão evoluindo: contra o Corinthians, levaram um gol aos 46 do segundo tempo. No México, a bola foi na trave. É uma evolução sem precedentes, daquela que enche de orgulho o torcedor, em especial porque vcs já estão dizendo que o Once Caldas "não é de nada" e que vcs já garantiram, antes mesmo do jogo, o primeiro lugar.

moreno_lindo disse...

Eu acho que vc é um torcedor que não reconhece que o Flamengo é o Hexa-Campeão Brasileiro, por isso antes de comentar qualquer coisa sobre legitimidade, reflita. há... o gol do Borges no último jogo do são paulo contra o Goiás foi legal? Sobre o campeonato de 87 o Juvenal Juvencio assinou reconhecendo o Flamengo campeão, então pára de postar besteira

Fernando Richter disse...

Amigo Belmonte,

dois equivocos: O São Paulo foi campeão em 77,86,91,2006,2007 e 2008.

O título de 87, segundo a CBF, não é do Flamengo. Está no site deles. Se vocÊ retornar ao texto que fiz e clicar em CBF (que está em negrito e sublinhado) o blog te remeterá ao site deles no qual é possível tirar a dúvida.

Aproveitando, quem disse que o Once Caldas não é de nada? Tivemos uma conversa ontem sobre isso e eu te falei que o Once Caldas é o "bicho-papão" do São Paulo em Libertadores...

Para o tal Moreno_Lindo,

Primeiramente obrigado pela sua visita ao meu blog. Sempre será bem-vindo.

Mas discordo de seu comentário nos seguintes aspectos: realmente sou um torcedor de futebol e "não" reconheço o título do Flamengo pelo simples motivo citado acima: o Flamengo se "recusou" de enfrentar o Sport em 1987 e por isso a CBF considera o título para a equipe de Recife.

Outra coisa, Não me interessa nenhum pouco se o Juvenal Juvêncio ou qualquer pessoa ligada ao São Paulo tenha assinado a favor do Flamengo. Não faço parte do São Paulo e aqui é apenas minha pura opinião a respeito da situação de um título.

Na minha opinião, campeão é aquele que joga e vence! Quem se recusa a jogar é porque não quer "disputar", e o futebol é totalmente uma disputa. Acho que a reflexão que você pediu pode partir desse princípio. Pense nisso!

Um grande abraço a vocês dois.

É sempre muito bom ouvir a opinião de vocês.

Fernando Richter

moreno_lindo disse...

Tudo bem quando vc fala que campeão é aquele que joga e vence, pois em 87 o Flamengo venceu os principais times do Brasil, na minha opinião vc nao pode dizer que esse ou aquele time foi campeão só porque a CBF arbitrariamente alega que foi. o Sport ganhou times sem menor expressão e já o Flamengo jogou com os principais do Brasil inclusive o São Paulo, e foi campeão, se vc não sabe o clube dos treze comecou a copa união aí depois que ja tinha começado a CBF quiz mudar o regulamento, ou melhor, mudou. concluindo o Flamengo jogou e venceu os principais times do Brasil (Corinthians, Palmeiras, São Paulo e Santos; os quatro grandes do Rio de Janeiro: Flamengo, Vasco, Fluminense, Botafogo; os dois grandes de Minas Gerais: Atlético-MG e Cruzeiro e os dois maiores do Rio Grande do Sul: Internacional-RS e Grêmio, incluindo o Bahia) , não esses (América-RJ, Atlético-PR, Atlético-GO, Bangu-RJ, Ceará-Ce, Criciúma-SC, CSA-AL, Guarani-SP, Internacional-SP, Joinville-SC, Náutico-PE, Portuguesa-SP, Rio Branco-ES, Sport-PE, Treze-PB e Vitória-BA) tem time aí que nunca ouvi falar, então amigo quem tem que refletir é vc porque o mengão jogou e ganhou. por favor leia (http://www.flamengo.com.br/flapedia/Campeonato_Brasileiro_1987). Um grande abraço

Viviane Lima disse...

fe achei esse site a sua cara http://www.footbook.com.br/
depois me visita

Fernando Richter disse...

Caro Moreno_lindo,

Ainda sim o seu argumento é muito vazio. O Flamengo venceu os grandes clubes, claro, mas não venceu o que se dizia A FINAL, contra o Sport.

PEnse o seguinte, atualmente, no Rio de Janieo, para um clube se tornar verdadeiro campeão do Estado é necessário uma disputa entre o campeão da Taça Guanabara contra o campeão do Carioca, certo?

NAquele ano de 87 foi quase a mesma coisa. Vocês está se baseando em um site apaixonado do clube e não está sendo coerente. O Flamengo "Não" é o campeão brasileiro segundo a CBF.

Repito, o mengão só seria campeão DE VERDADE se tivesse aceitado o DESAFIO de jogar contra o Sport, como MANDAVA o regulamento.

Portanto, o Flamengo correu e o título é MERECIDO ao Sport.

Aqui encerro minhas palavras sobre o assunto.

Grande abraço.

Rubia disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Rubia disse...

Hahahaha... Eu falo que o tal Wagner só abra a boca para falar besteiras.

Só para você saber, sr Santista mal informado, em 1992 o São Paulo já era tri brasileiro (77, 86 e 91)

Essa história de flamengo campeão em 87 não passa deoba-oba da mídia que faz de tudo para que Flamengo e Corinthians sejam beneficiados...

O São Paulo é o único HEXA...

Wagner disse...

Rúbia,
desculpe. Vc tem razão. o São Paulo ganhou o Camp. Brasileiro de 86, aliás, ganhou jogando muita bola.
O jogo contra o Guarani em Campinas foi um confronto daqueles para guardar em vídeo, converter em DVD, etc. Na época, inclusive, o São Paulo tinha o atacante Careca que, sozinho, joga mais do que Washington, Dagoberto e Fernandinho somados.
Esqueci também que vcs são os únicos que têm seis títulos, que são os maiores da América do Sul, do Hemifério Sul, da Antártida, da Terra, do Sistema Solar, da história da humanidade.
Em 79 a.C. (a.C. = antes de Cristo) foi disputado o primeiro campeonato italiano de futebol, sabia? E pasme: o San Paolo foi o grande campeão. Lembro como se fosse hoje dos carros alegóricos saindo às ruas de Roma para saudar a grandiosidade do San Paolo.
A propósito: tem pia na sua casa, não tem? Quer uma esponja nova, tricolor, para vc lavar melhor a louça?